Em nota, Embasa diz que a concentração de agrotóxicos nas águas do Rio Preto está dentro do aceitável

Em nota divulgada na tarde desta quarta-feira (16) a Embasa avisa que diante dos resultados divulgados ontem pelo Portal do Cerrado, em matéria do Repórter Brasil e Agência Pública e em parceria com Public Eye, “sobre a presença de agrotóxicos na água, a Embasa informa que, de acordo com as análises realizadas semestralmente pela empresa no período entre 2014/2017 em Formosa do Rio Preto, todas estão com valores que estão abaixo dos limites de quantificação dos métodos, que demonstram que na água distribuída pela empresa não há concentrações quantificáveis de agrotóxicos” diz a nota.
 
 
Ainda de acordo com a Embasa, “os procedimentos de vigilância da qualidade da água para o consumo humano, segue rigorosamente a Portaria de Consolidação nº 05, anexo XX, de 2017, do Ministério da Saúde, e assegura que a água tratada está sendo distribuída em condições de potabilidade e não apresenta riscos à saúde humana. A legislação brasileira está em conformidade com a 4° Edição do Guia de Qualidade de Água da Organização Mundial da Saúde (OMS).

Os dados são divulgados em uma plataforma – o Siságua (veja o link em destaque)– com acesso aos municípios, por meio dos técnicos da vigilância sanitária, e também podem ser solicitados junto à empresa.”

A nota foi divulgada pela Assessoria de Comunicação da Embasa da Unidade Regional de Barreiras (UNB).

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.