Magno Malta diz que facada é a imagem a ser explorada na campanha de Bolsonaro

B Senador Magno Malta Foto:Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

 

Guilherme Seto | Folhapress

O senador Magno Malta (PR-ES) disse neste sábado (8) que a principal imagem a ser explorada na campanha do presidenciável Jair Bolsonaro (PSL) a partir de agora será a facada sofrida pelo aliado. Malta também afirmou que caberá àqueles que são próximos ao candidato assumir os atos de campanha na rua.

“É a ultima imagem que temos dele, e completamente avessa a tudo que ele fala. Se ele defendesse a violência os seguidores dele teriam acabado com o sujeito ali. Vamos usar essa imagem”, disse o senador.

“É a imagem da desmoralização desse discurso de que ele é violento. Tomou cuspida e ovada na cara, jogaram purpurina, deram uma facada, ele nunca fez nada.”

 

“O povo tem que assumir a campanha dele, porque o Bolsonaro não vai ter condições. Todos e nós vamos assumir. A costureira, o taxista, o sacerdote, os jornalistas”, completou.

Malta ainda disse que em alguns vídeos é possível ver que Bolsonaro leva um soco na costela e é cutucado na região do ferimento. Segundo ele, os policiais estariam investigando um homem “de camiseta marrom” que teria agredido o candidato.
Antes de entrar no hospital Albert Einstein, em São Paulo, Malta disse ter conversado com a família de Bolsonaro na manhã deste sábado e que o estado de saúde permanece estável, com batimentos cardíacos regulares e pressão sob controle.

0 0 voto
Classificação do artigo
Se inscrever
Notificar de
guest

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários