Decretado situação de emergência em Buritirama

Reprodução

O governo da Bahia homologou ontem, quinta-feira (27) o decreto de emergência por conta da seca que atinge o município de Buritirama, no extremo Oeste da Bahia.

Segundo a medida, o decreto tem duração de 180 dias, contados a partir de 27 de maio, quando foi determinado pela prefeitura da cidade. De acordo com a Defesa Civil do Estado [Sudec], a população afetada pela estiagem em Buritirama chega a 71,3%, ou 13,9 mil dos 19,6 mil moradores.

Com o decreto de emergência, a prefeitura pode requisitar apoio de carros-pipa, além de fazer contratações sem licitação, com fins de atenuar os prejuízos causados pela estiagem.

Segundo o Bahia Notícias, em toda a Bahia, 194 municípios estão com decretos de emergência por estiagem reconhecidos pelo Estado. O que representa 29,6% da população, cerca de 4,4 milhões dos 14,8 milhões baianos, segundo estimativa do IBGE de 2018.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.