Soldado da PM tem surto, atira para cima em Salvador e é baleado

Às 15h, uma equipe do Bope iniciou a negociação. O soldado alternava momentos de lucidez com acessos de raiva, acompanhados de disparos. Além dos tiros de fuzil, o soldado arremessou grades, isopores e bicicletas, no mar.

Divulgação: SSP/BA

Um soldado da Polícia Militar –PMBA mobilizou uma equipe Batalhão de Operações Especiais – Bope durante à tarde deste domingo (2) ao caminhar em torno do Farol da Barra, em Salvador, e atirar para o alto. Ele foi baleado por volta das 18h30 , após atirar contra policiais que participavam da ação. Segundo a Secretaria de Segurança Pública – SSP, ele teria tido um “surto psicótico”.

Após mais de 3 horas de negociação, ele disparou um fuzil contra guarnições do Bope quando o soldado teria verbalizado que havia chegado o momento, fez a contagem regressiva e iniciou os disparos. Após pelo menos dez tiros, o soldado foi neutralizado e socorrido para o Hospital Geral do Estado.

O policial foi identificado como o soldado Wesley, da 72ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM de Itacaré). Segundo o Bahia Notícias, o soldado dirigiu de Itacaré até Salvador neste domingo e ocupou a região do Farol. Em um certo momento, ele chegou a dizer a seguinte frase: “Seus filhos estão presenciando sua covardia, policiais militares do estado da Bahia”.

Ainda não há informações sobre o estado de saúde dele.

0 0 voto
Classificação do artigo
Se inscrever
Notificar de
guest

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

1 Comentário
Mais antigas
O mais novo Mais Votados
Comentários em linha
Exibir todos os comentários
TONY

A Ação dos Policiais Militares da Bahia, mostra o quanto eles estão despreparados. Se matam para conter um irmão de farda, que não é nenhum bandido, sofreu apenas um surto, o que não farão com a população do próprio Estado?