Antas (BA): Tribunal de Justiça bloqueia bens de prefeito

Manoel Sidônio do Nascimento Nilo,  prefeito de Antas (BA),  no nordeste baiano, teve os bens bloqueados até o valor de R$ 297,1 mil pelo Tribunal de Justiça da Bahia (TJBA).

Em decisão anterior pelo juiz da comarca local tinha decretado a indisponibilidade de todos os bens do prefeito, sob acusado de que Nilo havia cometido irregularidades na aquisição de combustíveis, através de nepotismo, que a contratação irregular de parentes. A acusação foi feita pelo Ministério Público da Bahia.

A decisão de hoje (27) foi tomada pelo desembargador Osvaldo de Almeida Bonfim, da 4ª Câmara Cívil do Tribunal de Justiça da Bahia.

 

0 0 votos
Classificação do artigo
Se inscrever
Notificar de
guest

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários