Sete municípios do oeste terão USF descredenciadas pelo Ministério da Saúde

Imagem: Divulgação

O Ministério da Saúde, está descredenciado Unidades de Saúde da Família em todo o Brasil. No oeste da Bahia, sete municípios tiveram descredenciamento, com 19 unidades  por, supostamente ter não cumprido o prazo estabelecido na Política Nacional de Atenção Básica. De acordo com a portaria publicada no dia 12 de junho, as cidades de Luis Eduardo Magalhães terá descredenciamento de 9 unidades;  Santa Maria da Vitória 3, Santa Rita de Cássia 1, Correntinha 3, Barreiras 1,  Baianópolis 1 e Wanderley 1. A portaria não traz alerta ou advertência sobre o suposto descredenciamento. Apenas anuncia o fechamento.

Na Bahia 162 municípios deixarão de receber investimentos, num total de 784 unidades fechadas. Para cada Equipe de Saúde da Família, o Ministério da Saúde destina R$ 128.340,00 por ano, enquanto o Estado da Bahia destina R$ 18.000,00 para o mesmo período.

0 0 voto
Classificação do artigo
Se inscrever
Notificar de
guest

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários