Ex-governador de Goiás Helenês Cândido morre de Covid-19 enquanto era transferido para UTI

Helenês Cândido prefeito de Morrinhos, foi deputado estadual por três mandatos e governador de Goiás de 1998 a 1999.

Foto: Divulgação: Alego

O ex-governador de Goiás, Helenês Cândido de 86 anos, morreu em consequência da Covid-19, durante a transferência dele para uma Unidade de Terapia Intensiva – UTI na cidade de Caldas Novas, cidade da região Sul de Goiás.

Cândido testou positivo para a Covid-19 no início de março, junto com a esposa, Lila Morais. Assim que diagnosticados, os dois foram internados em um hospital particular em Goiânia. Após uma semana, apresentaram melhora, receberam alta e voltaram para Morrinhos, onde moram.

No entanto, na última sexta-feira (12), o ex-governador voltou a apresentar sintomas da doença e foi internado em um hospital da cidade. O quadro se agravou e ele foi intubado no dia seguinte. Ele estava um hospital de campanha.

No domingo (14), a situação piorou e ele precisava de um suporte de uma UTI completa e entrou na fila de regulação. No entanto, a vaga só ficou disponível na quarta-feira (17), no Hospital e Maternidade Nossa Senhora Aparecida, em Caldas Novas, a 265 km de distância de Santa Helena de Goiás.

Helenês Cândido deixa a esposa e dois filhos.

0 0 voto
Classificação do artigo
Se inscrever
Notificar de
guest

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários