Após falhas, inscrições do Fies são prorrogadas

Folhapress | São Paulo (SP)

Após uma série de falhas, o MEC (Ministério da Educação) prorrogou as inscrições para o Fies (Financiamento Estudantil) do segundo semestre.
Agora, os interessados terão até as 23h59 desta terça-feira (24) para se inscrever no programa federal. Estão sob disputa 155 mil vagas -50 mil delas são na modalidade juro zero.
Segundo o ministério, o sistema apresentou aos inscritos alguns cursos com vagas que não existiam. Quem efetuou a inscrição nos cursos com esse problema, poderá refazer o processo.

Quem não refizer a inscrição, segundo o MEC, terá o cadastro cancelado automaticamente. O governo disse que comunicou todos os estudantes prejudicados por e-mail e mensagem de texto.
Até a manhã desta segunda-feira (23), 170.190 inscrições já haviam sido concluídas, de acordo com balanço atualizado da pasta.

Podem se inscrever no programa os estudantes que fizeram a prova do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) a partir de 2010 e obtiveram média igual ou superior a 450 pontos nas provas objetivas e não ter zerado a redação.
Outra condição para contrair o benefício é ter renda familiar mensal bruta per capita de até três salários mínimos.
Já na modalidade P-Fies (quando o agente financeiro é o banco), a renda familiar não pode passar de cinco salários mínimos. O resultado da seleção será conhecido no dia 30 de julho, em chamada única. Até 3 de agosto, os selecionados deverão efetivar a contratação do financiamento.

Sobre Darlan Alves Lustosa 7981 Artigos
Darlan Lustosa é formosense que gosta da escrita e acredita que a política é um meio de transformação da vida das pessoas.Vive e mora em Formosa do Rio Preto, no extremo Oeste da Bahia, com registro profissional 6978/BA e sindicalizado, sobretudo para fortalecer a causa e defender direitos.
0 0 votos
Classificação do artigo
Se inscrever
Notificar de
guest

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários