Ataque a tiros em escola de São Paulo deixa estudante morta

Aluno de 15 anos entrou armado e disparou contra estudantes na Escola Estadual Sapopemba. Uma das vítimas sofreu ferimento na cabeça e não resistiu.

Escola Sapopemba, Ataque a tiros, Escola, Aluno, São Paulo
Foto: Google Maps - Via portal Metrópoles

Um ataque a tiros na manhã desta segunda-feira (23) a uma escola estadual em São Paulo, deixou uma estudante morta e outros três feridos. O ataque ocorreu na Escola Estadual Sapopemba, na zona leste da capital paulista. Dois alunos, que não tiveram os nomes divulgados, com ferimentos a bala no tórax e clavícula, levados a unidade saúde, mas ainda sem informações quanto ao estado de saúde deles. Enquanto a vítima, com ferimento a bala na cabeça, não resistiu aos ferimentos.

LEIA MAIS: Portal do Cerrado

De acordo com a Secretaria da Segurança Pública, um aluno na mesma escola, um adolescente de 15 anos, entrou armado no colégio e efetuou os disparos. Ainda não há informações para motivação do ataque e nem a origem da arma. Segundo o portal Metrópoles, o adolescente é aluno do 1º ano do ensino médio. Ainda segundo o portal, testemunhas disseram que ele seria vítima de bullying por parte de colegas da escola. O aluno foi aprendido junto com a arma, enquanto outro jovem seguia foragido, mas a informação não havia sido confirmada pelas autoridades paulistas.

A Polícia Militar foi acionada por volta das 7h30 para atender a ocorrência na Rua Senador Lino Coelho, onde está localizada a escola estadual. O ataque teria ocorrido dez minutos antes. Em desespero, pais de alunos também foram a unidade escolar em busca de informações.

Os feridos seguem internados no Hospital Geral de Sapopemba. Contudo, não há informações sobre o estado de saúde deles.

Por meio de nota, o Governo de São Paulo lamentou o ocorrido e disse que a prioridade é prestar atendimento aos familiares das vítimas.

“O governo de SP lamenta profundamente e se solidariza com as famílias das vítimas do ataque ocorrido na manhã desta segunda-feira (23) na Escola Estadual Sapopemba. Nesse momento, a prioridade é o atendimento às vítimas e apoio psicológico aos alunos, profissionais da educação e familiares.”

Ainda conforme o G1, este é o segundo a ataque a escolas no estado somente em 2023. Há sete meses, em outro ataque, uma professora de 71 anos morreu e quatro pessoas ficaram feridas com arma branca.

Escola Sapopemba, Ataque a tiros, Escola, Aluno, São Paulo
Ataque a tiros a Escola Estadual Sapopemba, em São Paulo, deixa estudante morta e outros três feridos – Foto: Reprodução
Sobre Redação 5714 Artigos
Perfil da redação do site Portal do Cerrado, site com notícias do Brasil, Bahia e em especial a região Oeste do estado
0 0 votos
Classificação do artigo
Se inscrever
Notificar de
guest

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários