Bahia: Mais de 700 obras paradas

Para que as intervenções sejam concluídas são necessários R$ 206,1 milhões

Imagem: Mairi News

A Bahia tem 764 obras paradas em diversas cidades do interior por falta de repasses do governo federal, segundo levantamento realizado pela Confederação Nacional dos Municípios.

O estado ocupa a quarta posição entre as unidades da Federação com maior número de intervenções paralisadas. São Paulo (1.316), Rio Grande do Sul (1.068) e Minas Gerais (1.042) figuram como primeiros na lista.

A interrupção afeta 10.204 construções em todo o país, especialmente nas áreas da saúde, habitação e infraestrutura. “Os municípios demoram para receber os recursos pactuados e não possuem, na maioria dos casos, verbas próprias para levarem as obras adiante. Por isso elas ficam paralisadas ou nem chegam a ser iniciadas”, justificou a entidade.

Só em território baiano, para que as obras sejam concluídas são necessários R$ 206,1 milhões. Já para o Brasil todo são R$ 2,6 bilhões, o que corresponde a 40% do total previsto inicialmente pelo governo federal, informou a CNM.

Sobre Darlan Alves Lustosa 7930 Artigos
Darlan Alves Lustosa é um formosense que gosta da escrita e acredita que a política é um meio de transformação da vida das pessoas.Vive e mora em Formosa do Rio Preto, no extremo Oeste da Bahia com registro profissional 6978/BA
0 0 votos
Classificação do artigo
Se inscrever
Notificar de
guest

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários