De Cacete Pão Dividido a Bolsomaritano: Irreverência nas urnas

Foto: Reprodução/Divulgacand

Com o fim  do registro de candidaturas e a aproximação da propaganda eleitoral, os pitorescos candidatos, que acabam como “memes” na internet, voltam a tona.

Candidatos como “Ninguém”, ” Binho do Dois de Julho”, “Cacete Pão Divino”, “Galo Cego”, “Magnólia Bereguedê“, “Pato Rouco da Ambulância” tentarão uma vaga na Assembleia Legislativa da Bahia.

Pegando “ponga” no presidencial Bolsonaro, candidatos na Bahia também se inspiram nele: “Emerson Bolsomaritano”, “Renato Trezoitão” e “Sd. Andrade Justiceiro do Povo”.

E da Democracia Cristã (DC), ironicamente, “Teno Metralhando a Corrupção.”

Reprodução: Divulgacand
Reprodução: Divulgacand

 

Federais – Visando vôos mais altos, rumo a Câmara Federal, a Bahia poderá contar com “O Tabaréu”, “Bira do Jegue”, “Delegada Negona”, “João Furão” e “Pedra Desse Chão”. Como um “Da Luz”, do PRTB era pouco, agora temos uma “Da Luz”, candidata do PSB.

Como  “Coração de Mãe”, sempre cabe mais um o plenário e “Banda Roxa”, “Fernando da Gata”, “Kojack”, em provável homenagem à icônica serie dos anos 70, e “Lyndon Johnson”, 36º presidente dos Estados Unidos, também estão no páreo.

Outra prática comum é puxar seu nome nas urnas por um referencial pessoal, como é o caso de “Policial Federal” ou “Policia Federal Anderson Muniz” e “Barro o Homem dos Vídeos”.

As informações são do bahia.ba
Sobre Darlan Alves Lustosa 7930 Artigos
Darlan Alves Lustosa é um formosense que gosta da escrita e acredita que a política é um meio de transformação da vida das pessoas.Vive e mora em Formosa do Rio Preto, no extremo Oeste da Bahia com registro profissional 6978/BA
0 0 votos
Classificação do artigo
Se inscrever
Notificar de
guest

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários