Dia D de vacinação contra a gripe acontece neste sábado

Cerca de 300 municípios da Bahia participam do Dia de Vacinação contra a gripe
Idos recebe aplicação de vacina contra gripe na Bahia - Foto: Leonardo Rattes/SAÚDE GOVBA

Mais de 300 municípios da Bahia participam neste sábado (13) do Dia D de vacinação contra a gripe. Ação ocorre em parceria do governo federal, estadual e os municípios.

“A gente está se aproximando do período, tradicionalmente, de maior incidência de casos de gripe provocados pelo vírus da Influenza, até por conta das estações mais frias. Então, é muito importante que as pessoas se vacinem e evitem o pior”, explica a secretária da Saúde do Estado, Roberta Santana.

As secretarias municipais decidem se irão oferecer outras vacinas, de acordo as estratégias de cada município. É o caso de Formosa do Rio Preto, no Extremo Oeste, que oferece também a vacina contra a Covid-19.

LEIA MAIS: Portal do Cerrado

Para a presidente do Conselho Estadual dos Secretários Municipais de Saúde da Bahia (Cosems Bahia), Stela Souza, a parceria entre os entes federativos é fundamental para prevenir a incidência maior da Influenza na população. “Quando falamos em saúde, sabemos que a população se interessa. Então, estamos pedindo a todos os secretários municipais o reforço nesse chamamento ao público para que as pessoas se vacinem ”, declara.

Segundo definição do Ministério da Saúde, o público-alvo é formado por crianças de 6 meses a menores de 6 anos. Além de trabalhadores da Saúde; gestantes; puérperas; professores do ensino básico e superior; povos indígenas; idosos com 60 anos ou mais de idade; pessoas em situação de rua; comunidades quilombolas; profissionais das Forças de Segurança e Salvamento; profissionais das Forças Armadas; pessoas com doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais independentemente da idade; pessoas com deficiência permanente; caminhoneiros; trabalhadores de transporte coletivo rodoviário para passageiros urbanos e de longo curso; trabalhadores portuários; população privada de liberdade e funcionários do sistema de privação de liberdade, além de adolescentes e jovens de 12 a 21 anos sob medidas socioeducativas.

Na Bahia, este público-alvo é de cerca de 5 milhões de pessoas. O estado já recebeu mais de 2,7 milhões de doses, mas apenas cerca de 360 mil doses foram aplicadas, ou seja, 7% do público-alvo”.

Sobre Darlan Alves Lustosa 7981 Artigos
Darlan Lustosa é formosense que gosta da escrita e acredita que a política é um meio de transformação da vida das pessoas.Vive e mora em Formosa do Rio Preto, no extremo Oeste da Bahia, com registro profissional 6978/BA e sindicalizado, sobretudo para fortalecer a causa e defender direitos.
0 0 votos
Classificação do artigo
Se inscrever
Notificar de
guest

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários