Mais velho a fazer Enem em Formosa do Rio Preto sonha em ser advogado

Há oito anos, homem de 53 anos tinha pouco estudo. Reviravolta na vida começa em 2015 quando resolveu concluir ensino fundamental.

Enem Formosa do Rio Preto, Enem, Exame Nacional do Ensino Médio, Formosa do Rio Preto, Bahia, Perseverança, Força de Vontade, Idade, pessoa mais velha a fazer Enem, Armindo Nunes
Armindo Nunes chegando ao local de prova em Formosa do Rio Preto, na Bahia - Foto: Darlan A. Lustosa

Apesar dos percalços, a vida é cheia de bons exemplos, com pessoas mostrando suas forças diariamente, algo próprio da natureza humana, enfrentando e vencendo os desafios impostos por ela. Exemplo é o que o formosense Armindo Nunes, de 53 anos, segue ao se espelhar em Domingos Bispo e enfrentar de novo a prova do Enem. DB como é conhecido, é ex-prefeito de Formosa do Rio Preto e iniciou o curso de Direito aos 62 anos, passando no exame da OAB aos 69. Aos 80 é advogado, com atuação por tribunais da Bahia.

O exame, aplicado neste domingo (12), é usado como alternativa para quem deseja realizar o sonho de cursar o ensino superior ou mesmo mudar de carreira.

LEIA MAIS: Portal do Cerrado

Armindo é a pessoa mais velha a fazer o Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) em Formosa do Rio Preto, no extremo Oeste da Bahia, em busca de um sonho e ele é determinado. Neste segundo dia de aplicação, ele chegou ao local de prova de bicicleta ao lado de seu filho. Outros dois filhos dele também estão fazendo o Enem em 2023.

Armindo Nunes, Formosa do Rio Preto, Enem, Exame Nacional do Ensino Médio, Inep,
Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira, Armindo Nunes
Armindo Nunes, aos 53 anos, é a pessoa mais velha a fazer Enem em Formosa do Rio Preto. Ele segue determinado em cursar Direito – Foto: Portal do Cerrado

Mas até o ano de 2015, Armindo tinha pouca instrução normativa como ele mesmo diz, mas voltou a frequentar a escola depois de adulto. Resistente e com muita perseverança, não parou mais de estudar. Quando jovem havia deixado os estudos pela imposição dos afazeres do trabalho para superar as dificuldades. Começou a trabalhar cedo, deixando Formosa do Rio Preto para se dedicar a labuta e em busca de oportunidades. Ainda naquele ano, resolveu que deveria fazer uma reviravolta em sua vida e o caminho seria a educação. Entrou para o programa de educação de jovens e adultos, para concluir o ensino fundamental. Depois da conclusão, resolveu então fazer o ensino médio e em seguida, acreditou que poderia mais ao entrar da faculdade de Ciências Contábeis, mas com o sonho em se tornar advogado.

No passado, chegou a ganhar uma bolsa do Pró-Uni para cursar Direito em uma faculdade particular em Luís Eduardo Magalhães, mas radicado em Formosa do Rio Preto, não poderia deixar a família. Resolveu então, para não perder o pique, fazendo contabilidade.

Em 2023, ele continua altivo, ativo, resistente e almejando cursar Direito, voltando a fazer a prova do Enem, para mostrar que nunca é tarde para se reinventar.

Armindo indica uma visão de mundo construída na lida da sua condição de trabalhador, mas ele é ao mesmo tempo, símbolo de resistência e força. Todos nós deveríamos vibrar com aplausos com a história desse formosense que vence barreiras todo dia. Como disse Guimarães Rosa, o sertanejo é, antes de tudo, um forte!

Sobre Redação 6106 Artigos
Perfil da redação do site Portal do Cerrado, site com notícias do Brasil, Bahia e em especial a região Oeste do estado
0 0 votos
Classificação do artigo
Se inscrever
Notificar de
guest

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

1 Comentário
Mais antigas
O mais novo Mais Votados
Comentários em linha
Exibir todos os comentários
Rudival alves de Sá

Da lhe Armindo..
Essa rapaziada de hoje só pensa em fumar viper..etc…