Ônibus da prefeitura de Formosa do Rio Preto quebra mais uma vez e deixa estudantes a espera em Corrente

Estudantes que viajam diariamente cerca de 150 km para cursar ensino técnico ou superior ficaram revoltados

Novo ônibus enviado a Corrente, chega por volta das 2h da madrugada deste quarta-feira (21) com os estudantes - Foto: Reprodução

Estudantes estão revoltados com o descaso da Prefeitura de Formosa do Rio Preto, na Bahia, após o ônibus em que viajam mais de 150 km para a cidade de Corrente, no Sul do Piauí, quebrar novamente. Segundo os universitários, a situação recorrente ocorre apesar das reclamações e pedidos de solução, mas o problema não tem sido resolvido.

Ainda segundo os estudantes, o descaso da prefeitura sob a gestão de Manoel Afonso do PSD é tamanho, que problema acontece desde os anos anteriores, mas passado o recesso, voltou a se repetir em 2024.

LEIA MAIS: Portal do Cerrado

Por volta das 22h49, um vídeo postado nas redes sociais mostra a revolta dos alunos que ainda estavam em uma instituição de ensino. “Veio alunos em pé, primeiro a responsabilidade, que já sabiam que só cabe 29 pessoas e tinha 30 e não mandaram um transporte maior”, diz uma estudante do Instituto Federal do Piauí (IFPI). Outro estudante diz que mesmo o Secretário Municipal de Transporte compor um grupo no WhatsApp, ele não se manifesta apesar dos pedidos de intervenção feitos a ele.

Em mensagens no mesmo grupo do WhatsApp, outra aluna diz que o veículo “pode acontecer sim de quebrar, mais (sic) foi a gota d’água! Em seguida, outro estudante emenda: “O engraçado é que quebrou a coisa de sempre. Essa marcha. Pelo que me lembro era isso que tava arrumando desde do ano passado”, mostrando a recorrência e o sofrimento dos estudantes.

Dois alunos entraram em contato com o Portal do Cerrado relando a situação e o site pediu um posicionamento da Secretária Municipal da Educação e ao Secretário Municipal dos Transportes. Se responderem, o texto será atualizado e o espaço permanece aberto.

No ano passado, alunos enfrentaram problemas parecidos, inclusive com início de incêndio em um ônibus. Além disso, os estudantes já ficaram parados ao ermo na BR-135 quando o veículo quebrou.

Outro ônibus foi providenciado saindo de Formosa do Rio Preto, na Bahia, por volta das 23h07 para buscar os estudantes em Corrente, no Piauí.

Apesar de ser um dos municípios mais ricos da Bahia, Formosa do Rio Preto não tem uma instituição de ensino superior presencialmente. Manoel Afonso está em ser terceiro mandato.

Sobre Darlan Alves Lustosa 7973 Artigos
Darlan Lustosa é formosense que gosta da escrita e acredita que a política é um meio de transformação da vida das pessoas.Vive e mora em Formosa do Rio Preto, no extremo Oeste da Bahia, com registro profissional 6978/BA e sindicalizado, sobretudo para fortalecer a causa e defender direitos.
0 0 votos
Classificação do artigo
Se inscrever
Notificar de
guest

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

1 Comentário
Mais antigas
O mais novo Mais Votados
Comentários em linha
Exibir todos os comentários
DEIXA QUIETO

Nossa. Deve ser um horror mesmo. Mas não é questão do ônibus quebrar. Sempre quebrou no governo anterior (cujo jornal era aliado). O problema é que Neo é o prefeito. Logo o jornal vai perseguir qualquer coisa, até um cachorro andando no meio da rua. Engraçado é que não viu no governo anterior. Porque será? Deve ser que por tanto quebrar no governo anterior não teria espaço suficiente no site pra noticiar.
Só falta colocar culpa no prefeitura por ter chuva demais ou pouca chuva. Culpa pelo ovo da galinha não ter chocado. Kkkk palhaçada… Isso sim…