Vídeo de bebê fingindo demais para não ganhar limpeza nasal viraliza

Síncope, limpeza nasal, desmaio, bebê
(Foto: Reprodução/Redes Sociais)

Um vídeo publicado nas redes sociais, onde um bebê de dez meses aparece fingindo demais, para não receber limpeza nasal, viralizou esta semana semana. O vídeo em questão foi publicado por Marina Marinha, mãe da pequena Maria Helena, fingindo o desmaio.

Mas o que chamou a atenção no vídeo é que todas as vezes a menina usa a mesma tática para tentar escapar.

LEIA MAIS: Portal do Cerrado

No registro, a mãe da bebê se aproxima da pequena de dez meses para realizar uma limpeza nasal. Para evitar o procedimento, Maria finge desmaio. “A Globo está perdendo essa atriz. Será que já é hora de colocar em um curso de teatro ou está cedo?”, legendou a mãe.

O momento chamou a atenção dos internautas que afirmaram se identificar com a situação. “[Quando é] o meu, só falta alguém chamar a polícia de tanto escândalo”, comentou outra mãe.

Até o momento, o vídeo original tem mais de 24 mil visualizações.

@falastumari

A globo está perdendo essa atriz. Será que já é hora de colocar em um curso de teatro ou está cedo??? #bebêsdotiktok #maternidade #maternidadereal #trendcomfilhos #rotinacombebê #maedemenina #lavagemnasal #atrizmirimtiktok #teatro

♬ som original – Marina Marinho

Conforme O Globo, uma das principais funções da lavagem nasal é a remoção do excesso de muco, mas ela também ajuda a reduzir o inchaço da mucosa nasal e a remover antígenos que podem causar alergias e doenças.

As informações são da TV Fama

Sobre Darlan Alves Lustosa 7973 Artigos
Darlan Lustosa é formosense que gosta da escrita e acredita que a política é um meio de transformação da vida das pessoas.Vive e mora em Formosa do Rio Preto, no extremo Oeste da Bahia, com registro profissional 6978/BA e sindicalizado, sobretudo para fortalecer a causa e defender direitos.
0 0 votos
Classificação do artigo
Se inscrever
Notificar de
guest

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários