Mortes entre jovens com Covid-19 crescem 447% em 4 meses na Bahia

Dados foram divulgados pela Sesab nesta terça-feira (30).

Até esta terça-feira (30) o estado registrou 15.170 óbitos em decorrência da Covid-19
Número de pessoas mortas por Covid-19 na Bahia registrou a marca de 17 mil Foto: Pixabay

O número de pessoas com idade entre 20 e 39 anos que morreram na Bahia vítimas de Covid-19 aumentou 447% de novembro de 2020 até março deste ano. A informação é da Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab), divulgada nesta terça-feira (30), e mostra que mais de 331 mil pessoas nessa faixa etária foram infectadas pela Covid-19 em todo o estado.

Reprodução: Sesab

Somente a faixa etária de 30 a 39 anos representa um aumento de 553%, comparando o mesmo período. Já entre os jovens entre 20 e 29 anos, houve um aumento de 250%.

De acordo com os dados do órgão, o crescimento do total de óbitos pode ser pelo fato dos jovens nessa faixa de idade serem a base da pirâmide da força de trabalho. E, por isso, estão mais expostos à doença.

No entanto, o secretário Fábio Vilas-Boas atribuiu o alto índice à recusa de algumas pessoas em fazerem o uso de máscara ou fazer a correta higienização das mãos.

“Em apenas quatro meses, o número de óbitos nesse grupo cresceu vertiginosamente. Por serem a base da pirâmide da força de trabalho, naturalmente estão mais expostos a infecção, porém ao não utilizarem a máscara, se recusarem a manter o distanciamento social e não higienizarem as mãos com frequência, agravam a situação”,

afirma o secretário da Saúde da Bahia, Fábio Vilas-Boas

Outro fator apontado pela Sesab são as aglomerações e festa do tipo “paredão”, constantemente flagradas e encerradas em operações da Polícia Militar e agentes de fiscalização dos municípios.

Com G1 e Sesab

0 0 votos
Classificação do artigo
Se inscrever
Notificar de
guest

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários