Bombeiros tentam controlar incêndio que já dura 26 dias em Curimatá no Sul do Piauí

Uma equipe do Batalhão da Polícia Ambiental e da Delegacia do Meio Ambiente estão a caminho do município para investigar onde o fogo surgiu.

Incêndios voltam a atingir vegetação no Piauí; Curimatá apresenta situação mais grave — Foto: Divulgação/Corpo de Bombeiros

Equipes do Corpo de Bombeiro do Piauí trabalham para combater um incêndio que já dura 26 dias no município de Curimatá no Sul do Piauí. Os primeiros focos surgiram no começo do mês de setembro.

Segundo o G1 Piauí, o incêndio no município de Curimatá, a 743 km de Teresina, iniciou no dia 10 de setembro e já atingiu uma grande área de vegetação. Nesta quinta-feira (7), mais de 15 bombeiros e equipes de apoio foram deslocadas para a cidade.

Uma equipe dos bombeiros e brigadistas do ICMBio [Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade] estão na cidade. Agora a tarde um avião de reforço levou mais bombeiros ao local e também mais quatro equipes estão a caminho“,

explicou o coronel João Costa, chefe de operações do Corpo de Bombeiros

A mata da região é bastante fechada, o que dificulta o acesso dos brigadistas. Até sábado (2), o incêndio havia sido controlado, mas voltou no início da tarde de domingo (3), devido aos fortes ventos e baixa umidade.

Uma equipe do Batalhão da Polícia Ambiental e da Delegacia do Meio Ambiente estão a caminho do município de Curimatá para investigar onde o fogo surgiu.

0 0 votos
Classificação do artigo
Se inscrever
Notificar de
guest

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários