Cipe/Cerrado confronta acusado de sequestro em Formosa do Rio Preto

Ele chegou a ser levado para a unidade de saúde onde teve morte constatada

O homem de 31 anos, acusado de fazer três reféns em 28 de outubro em Formosa do Rio Preto, na Bahia, morreu após confronto com policiais da Cipe/Cerrado entre a noite de sexta e sábado. Conforme a Polícia Militar ele tinha uma extensa ficha criminal, com passagens por furto, roubo, sequestro e tentativas de homicídio.

Ele chegou a ser preso no sábado da semana passada, momentos após fazer o casal de idosos e uma terceira pessoa de reféns, mas foi solto cerca de dois dias depois, após ter sido apresentado na Central de Flagrantes em Barreiras.

LEIA MAIS: Portal do Cerrado

A ação ocorreu na Rua do Cruzeiro, nas imediações do Centro da cidade, por volta das 23h50 da sexta-feira (3). Segundo o release divulgado, a guarnição teria deslocado para um trecho desta rua após compartilhamento de informações de que ele transitava no local e a guarnição informada por transeuntes, de que ele havia sido visto próximo a uma pousada.

Sempre de acordo com a polícia, ao avistar um homem com as mesmas características descritas, e que ao ouvir a voz de abordagem, ele optou por realizar disparos de arma de fogo e fugir para o interior do estabelecimento. Ainda conforme a Cipe/Cerrado, foi feito acompanhamento e ele fez mais disparo. No revide foi alvejado e caiu ao solo.

Em seguida levado para a unidade de saúde, onde teve morte constatada. Um revólver, marca Tauros calibre 32, com 3 munições deflagradas e 2 intactas, foi apreendida.

Homem morreu, Formosa do Rio Preto, Bahia
Homem identificado como Ronei morreu após confronto- Reprodução: Redes sociais
Sobre Redação 5702 Artigos
Perfil da redação do site Portal do Cerrado, site com notícias do Brasil, Bahia e em especial a região Oeste do estado
0 0 votos
Classificação do artigo
Se inscrever
Notificar de
guest

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários