Formosa do Rio Preto entre os dez que mais desmataram o Cerrado

Município baiano está inserido no polo de expansão do agronegócio, região entre quatro estados do Norte-Nordeste, conhecida como Matopiba

Mapa de satélite mostrando as áreas de alerta de desmatamento no bioma Cerrado na região do Matopiba, com diferentes intensidades de cor vermelha, com Formosa do Rio Preto, Bahia, na décima posição
As zonas em vermelho no mapa destacam o aumento alarmante no desmatamento na região do Matopiba - Foto: SAD Cerrado/IPAM/Google Maps/Reprodução

Formosa do Rio Preto, município baiano situado na região de Matopiba, figura na lista das cidades que mais contribuem para o desmatamento do Cerrado, ocupando a décima posição no ranking divulgado pela revista Veja. Enquanto a Amazônia tem vivenciado uma desaceleração na perda de sua cobertura vegetal, o Cerrado, o segundo maior bioma do Brasil, enfrenta uma realidade oposta com taxas de desmatamento que sobem em um ritmo alarmante.

O maior município baiano, registrou 14,5 mil hectares devastadas nos dois primeiros meses de 2024.

Mapa comparativo de Formosa do Rio Preto, entre os anos de 1985 e 2021 destaca o aumento no desmatamento na região do Matopiba. Publicado pela Folha em janeiro de 2023 – Foto: Reprodução

LEIA MAIS: Portal do Cerrado

Dados recentes do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE) revelam um crescimento de 43% nos alertas de desmatamento entre os anos de 2022 e 2023, com 524 alertas somente em março de 2024, o maior número registrado em um mês desde 2019. Em pouco mais de um ano, foram devastados mais de 1,1 milhão de hectares de Cerrado. A área representa quase oito vezes maior que a cidade de São Paulo.

A região de Matopiba, que engloba territórios do Maranhão, Tocantins, Piauí e Bahia, concentra cerca de 80% dessa devastação. Dentre as cidades que lideram a destruição desse patrimônio natural, 50 estão em Matopiba, incluindo Formosa do Rio Preto. Esses municípios juntos são responsáveis por aniquilar 223 mil hectares, o equivalente a um quinto de toda a área destruída no período de janeiro de 2023 a fevereiro de 2024.

Apesar de sua posição alarmante no quesito desmatamento, Formosa do Rio Preto também se destaca como um polo de produção agrícola, sendo a nona maior produtora do país. Com exportações que superam os 6,1 bilhões de reais em culturas como algodão, milho e soja, a cidade mostra a dualidade entre o avanço econômico e o custo ambiental. Só de soja, foram mais de 1,5 milhão de toneladas exportadas por esta pequena cidade de 26 mil habitantes.

Outros municípios que índices de desmatamento

  1. São Desidério – BA – 37,4 mil hectares
  2. Balsa – MA – 30,5 mil hectares
  3. Alto Parnaíba – MA – 26,5 mil hectares
  4. Coco – BA – 25 mil hectares
  5. Rio Sono – TO – 20,7 mil hectares
  6. Correntina – BA – 19,2 mil hectares
  7. Jaborandi – BA – 18,4 mil hectares
  8. Beira Grande do Ribeiro – PI – 15,7 mil hectares
  9. Mirador – MA – 15,1 mil hectares
Sobre Redação 5992 Artigos
Perfil da redação do site Portal do Cerrado, site com notícias do Brasil, Bahia e em especial a região Oeste do estado
0 0 votos
Classificação do artigo
Se inscrever
Notificar de
guest

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários