Sindicado recomenda uso de máscaras a trabalhadores da educação após aumento de casos de Covid-19 nas escolas da Bahia

Entidade divulgou comunicado nas redes sociais recomendando o uso do equipamento

Foto: Darlan A. Lustosa | Portal do Cerrado

O sindicato que representa os profissionais da educação na Bahia, soltou um comunicado, recomendando o uso de máscaras após o aumento do número de casos conhecidos da Covid-19 em escolas da Bahia. Segundo APLB Sindicado, a medida é preventiva.

“A APLB-Sindicato recomenda aos (às) trabalhadores da educação e toda a comunidade escolar a retomada e intensificação do uso de máscaras. A máscara protege você e outras pessoas!”, diz o comunicado divulgado nas redes sociais da entidade, nessa sexta-feira (3).

A assessoria do sindicato informou que ainda não tem dados de trabalhadores da educação que tenham se infectado nas escolas.

Em uma semana, o estado registrou aumento de 86% nos casos ativos de covid-19. Na quinta-feira (2), a Secretaria Estadual de Saúde (Sesab) informou que 953 pessoas estão contaminadas. No dia 26 eram 512. A flexibilização da máscara e a diminuição do ritmo de vacinação são apontados como facilitadores desse crescimento, de acordo com especialistas.

0 0 votos
Classificação do artigo
Se inscrever
Notificar de
guest

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários