Decisão histórica: Espanha condena 3 por ataques racistas a Vinicius Jr.

Sentença é a primeira do caso, que aconteceu em 2023 e gerou uma onda de repercussão.

Justiça espanhola faz história ao condenar torcedores por ataques racistas contra Vinicius Jr., destacando a luta contra discriminação no esporte.
Fotos: Reprodução| X

Em uma decisão histórica, a justiça espanhola condenou nesta segunda-feira (10), três torcedores a oito meses de prisão por ataques racistas contra o jogador brasileiro Vinicius Jr. A sentença, além de ser a primeira condenação por racismo no futebol espanhol, também proíbe os condenados de entrar em qualquer estádio do país durante dois anos.

A condenação, resultado de um ato de racismo ocorrido em maio do ano passado, quando Vinicius Jr., que joga pelo Real Madrid, foi chamado de “macaco” por torcedores do Valencia durante uma partida. O próprio Vinicius identificou um dos agressores, enquanto a polícia usou câmeras de segurança para identificar os outros dois. A LaLiga, liga profissional de futebol da Espanha, comemorou a decisão. “A LaLiga conseguiu a primeira sentença condenatória na Espanha por insultos racistas no futebol”, afirmou a organização em comunicado oficial. A condenação marca um passo significativo na luta contra o racismo no esporte.

LEIA MAIS: Portal do Cerrado

De acordo com o g1, ainda não se sabe se os advogados dos condenados recorrerão da sentença. No ano passado, os casos de racismo contra Vinicius Jr. geraram grande repercussão internacional. Após insultos de torcedores durante a partida, o jogador brasileiro reclamou ao juiz, que interrompeu o jogo. Isso resultou em uma confusão, onde Vinicius Jr. acabou sendo expulso por reagir a uma agressão.

Na época, o episódio mobilizou líderes mundiais. O presidente brasileiro Luiz Inácio Lula da Silva criticou o racismo no futebol e pediu ações mais contundentes. O primeiro-ministro espanhol Pedro Sánchez também manifestou solidariedade a Vinicius Jr., condenando os atos racistas. A polícia espanhola identificou e deteve não só os torcedores que insultaram Vinicius Jr. no Mestalla, mas também aqueles que, meses antes, penduraram um boneco com a camisa do jogador em um viaduto em Madri.

A decisão judicial representa um marco na luta contra o racismo no futebol espanhol, enviando uma mensagem clara de que comportamentos discriminatórios. A condenação por ataques racistas não apenas faz justiça a Vinicius Jr., mas também fortalece a postura da sociedade contra o racismo nos esportes.

Após a condenação, Vini Jr. se manifestou nas redes sociais dizendo que essa vitória “é por todos os pretos” e se chamou de “algoz de racistas”.

Com informações do G1

Sobre Redação 6091 Artigos
Perfil da redação do site Portal do Cerrado, site com notícias do Brasil, Bahia e em especial a região Oeste do estado
0 0 votos
Classificação do artigo
Se inscrever
Notificar de
guest

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários