Ministério da Saúde alerta sobre vacinação contra sarampo abaixo da meta

47,08% das crianças receberam o imunizante em 2022, sendo que a meta de cobertura vacinal é 95%

Foto: Divulgação/Assessoria

Com vacinação contra o sarampo abaixo da meta, o Ministério da Saúde faz alerta a população e governos estaduais e municipais. Somente 48,08% das crianças receberam o imunizante em 2022, sendo que a meta de cobertura vacinal é 95%.

A proteção contra o sarampo é feita com a vacina tríplice viral, que imuniza também contra a caxumba e rubéola, e faz parte do calendário de vacinação. O imunizante é oferecido nas unidades de saúde do país em qualquer época do ano. As informações são da Agência Brasil.

A tríplice viral normalmente é aplicada em duas doses. A primeira, tomada com um ano de idade, e a segunda, com 15 meses. A campanha de 2022 começou em janeiro e vai até dezembro deste ano. A cobertura em 2021 foi baixa, somente 50,1% do público-alvo no Brasil recebeu a segunda dose da vacina tríplice viral. 

Uma das consequências da queda da vacinação é o avanço da doença. Depois de ter recebido a certificação de país livre do sarampo pela Organização Pan-americana de Saúde (Opas), em 2016, o Brasil passou a registrar, nos últimos anos, o avanço da doença em todo o território nacional.

O Boletim Epidemiológico do Ministério da Saúde mostra mais de 40 mil casos e 40 mortes causadas pelo sarampo desde 2018, sendo mais da metade em crianças menores de 5 anos.

0 0 votos
Classificação do artigo
Se inscrever
Notificar de
guest

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários